Somos um Fórum de RPG, focado em D&D, porém com sistema mais aberto. Criação de personagem e raças completamente customizáveis!
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Capítulo 1 - A Morte do Rei

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 12:14 am


Essa luta demorou um pouco pra se dar início, ambos se analisavam, porém Onuris decidiu atacar primeiro, avançando contra o pássaro de forma precisa. Quando sua perna ia acertar o corpo do outro, o mesmo planou se esquivando por um triz, contudo, abrindo sua defesa e recebendo o próximo golpe, sendo este uma sequencia do chute anterior, acertando-lhe as costelas direitas o forçando a voltar pro chão (-20 dano). Onuris voltou a se aproximar do Coráx, tentando um gancho, contudo o corpo do outro foi pra trás, como se sua espinha fosse uma mola, se esquivando do golpe por velocidade e contra-atacando com o pé. Num salto pra trás o leão conseguiu se esquivar sem muitas dificuldades, porém Coráx abriu as asas e um montante de penas afiadas foram lançadas na direção de Onuris, o acertando em várias partes do corpo, manchando a água parada de vermelho (-20 dano). Havia sangue escorrendo do bico do pássaro, seu golpe na costela fez efeito, além disso ele respirava forte, mas esperava pela próxima etapa, que provavelmente seria a ultima parte daquela luta. (Regeneração Onuris: +15 HP)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 849
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
6020/6500  (6020/6500)
HP HP:
360/360  (360/360)
SP SP:
260/260  (260/260)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 12:33 am



Seu chute frontal fora esquivado, mas rapidamente com o inimigo ainda no ar chutou mais alto, acertando suas costelas, de forma que o atirou ao chão. Quando tentou seu gancho, acabou por errar, e ainda receber uma saraivada de penas do corvo, fazendo-lhe manchar a água de sangue. Ele grunhiu com a dor que sentia, mas seus olhos mantinham-se fixos no Corax. Deu um meio sorriso, mostrando brevemente seus dentes avantajados ao perceber o ferimento do outro. - Luta com honra e determinação irmão... - Falou jogando a manta de pele para o lado. - E eu vou fazer jus ao teu esforço, mas eu também tenho a minha convicção para continuar lutando! - Avançaria novamente contra o oponente, fazendo uma sequência impiedosa de golpes, intercalando os punhos e avançando coma s pernas para reduzir qualquer espaço que o oponente pudesse querer manter.


Ações escreveu:
  1. Jab de esquerda;
  2. Direto de direita;
  3. Cruzado de esquerda;
  4. Gancho de direita;
    Onúris efetuou 4 lançamento(s) de dados (D10.) :
    2 , 5 , 9 , 3
  5. Esquiva
    Onúris efetuou 1 lançamento(s) de dados (D10.) :
    1

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 01:40 am

Dados

-Você também é um guerreiro formidável. -Disse o corvo em respeito ao comentário do leão, que logo se aproximou pra mais um confronto. Com um jab de esquerda, um direto de direita, um cruzado de esquerda, e um gancho de direita, mas o pássaro se esquivou como se sua velocidade fosse superior à do leão, ou sua visão privilegiada o ajudasse, quase como se seu corpo se multiplicasse como no Matrix. Apesar do cansaço aparente no final do turno anterior, o corvo estava zen, e mostrava isso em sua postura e olhar. Todos observavam o confronto estarrecidos com a batalha, ansiosos pela decisão. -Vai irmão!! -Gritou Shuri de forma hiperativa, fazendo sua mãe balançar negativamente a cabeça enquanto também assistia atônita. Os guardas de ambas as tribos fecharam um pouco mais o círculo onde a luta se passava, pra aumentar a dificuldade da batalha. O corvo tentou um ataque com as garras de suas pernas, mas Onuris se esquivou por pouco, sentindo a juba balançar e alguns fios caírem na água.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 849
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
6020/6500  (6020/6500)
HP HP:
360/360  (360/360)
SP SP:
260/260  (260/260)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 11:15 am



Em toda a sequência de seus golpes, T'Challa colocava velocidade e força, mas era impossível que ele se esquivasse, no entanto assim fez o Coráx, o que fez o leão olha-lo com os olhos arregalados em surpresa. Era evidente a concentração e ao auto-controle que ele exercia, mesmo ferido, mesmo cansando-se, o corvo iria lutar com tudo de si. O grito de Shuri ecoou, sabia que ela temia pela luta, mas sabia também que ele conhecia-o. Os guardas fecharam o círculo, mais íntimo e mais perigoso seria o embate e nisso o corvo atacou com suas pernas, num quase voo para chuta-lo com as garras dos pés. Ele se esquivou rapidamente, ajoelhando-se na água e abaixando a cabeça, porém sua juba derrubou fios vermelhos na água, aquele ataque poderia ser a morte se não esquivasse. - Tem vontade de vencer... - Murmurou se levantando com os olhos fixos no alvo, sua íris se tornava bem mais felina, como um fino corte negro na retina dourada. Ele não pretendia usar de Majestade, mas um guerreiro está preparado para usar de suas qualidades em batalha. - Eu não vou perder, e estou disposto a ser Rei pelo julgamento do combate... Esteja preparado também irmão corvo... Já que quer lutar de garras... Eu usarei as minhas!! - T'Challa abria o peito e flexionava os músculos, rasgando sua camisa e rugindo como um trovão ao final da frase. Partiria para cima do outro e só iria desferir um único golpe, agarraria o pescoço dele, mas tomaria cuidado para não perfurar-lhe com suas unhas. Usaria de defesas precisas se necessário, fazendo dos antebraços seus escudos para desviar qualquer ataque para longe de si.
Ações escreveu:
  1. Preparatória #1:
    Habilidade Usada:
     
  2. Preparatória #2: Teste de Intimidação
    Onúris efetuou 1 lançamento(s) de dados (D10.) :
    4
  3. Ataque direto na garganta, agarrando o pescoço do alvo;
    Onúris efetuou 1 lançamento(s) de dados (D10.) :
    1
  4. Defesa com os antebraços;
  5. Defesa com os antebraços.
    Onúris efetuou 2 lançamento(s) de dados (D10.) :
    6 , 10

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 01:36 pm

Onuris mudaria sua estratégia ao ver que o corvo era mais forte do que o esperado, e com isso, após sua breve palavra, avançou em um ataque que em qualquer outra ocasião seria mortal. O atual rival não conseguiu se mover para esquivar, como se estivesse sob algum efeito de paralisia ou encanto, e assim que sentiu a mão de Onuris em seu pescoço, fechou os olhos instintivamente. O leão não teria dificuldades em parar seus golpes, sem ferir o combatente, mas que também era um aliado. O corvo sorriu enquanto abria os olhos suando frio. -Tem meu respeito e terá a ajuda de minha tribo pro que precisar. -Disse ele mais calmo e confiante com o resultado da batalha e todos os corvos da tribo bateram suas armas finalizando aquela batalha. Ele saiu da bacia, voando para seu lugar e no momento seguinte o líder dos Mokolé desceu ali.


Ele parecia bem forte e resistente por causa de suas escamas cinzas, e seus dentes grandes à mostra de forma não amigável. Ele não falaria nada, só se prepararia para a batalha, como se não houvesse outro motivo a não ser a luta em si. Os soldados mokolés também desceram e ficaram no lugar que os corvos estavam.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 849
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
6020/6500  (6020/6500)
HP HP:
360/360  (360/360)
SP SP:
260/260  (260/260)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 01:52 pm



Seu ataque fora infalível, suas defesas inquebráveis, e sua Majestade irrefutável. O Corax pareceu imóvel, incapaz de reagir, de contestar, e quando viu o sorriso em sua face em Crinos, sabia que havia vencido, havia orgulho e aceitação naquele rosto. T'Challa puxou-o para si e deu-lhe um abraço apertado e íntimo, estava feliz não só como aspirante ao trono, mas como homem, ao encontrar um adversário assim entre tribos irmãs. - Os segredos de Wakanda estarão seguros comigo, e eu farei do meu propósito dividi-los somente com os irmãos do Ahadi. - Disse afrouxando o abraço e colocando as mãos nos ombros do corvo, olhando-o nos olhos e sorrindo, antes que ele se afastasse. Logo ele e os seus voavam para fora da arena, e agora quem vinha era o último, o Mokolé. Seu porte e aparência eram fenomenais, um guerreiro feroz e poderoso, a excitação fazia o coração de T'Challa bater mais rápido. No entanto, havia algo mais em seu coração, coragem, ele enfrentara os outros em Crinos, enquanto ele mesmo apenas usava seu Sokto, era certo que ainda não exercia todo o Dom da Metamorfose, mas sabia lutar e usar de seus demais Dons. - Que Gaia e nossos Ancestrais vejam nossa luta. - Diria batendo o punho direito ao coração e já assumindo a posição de luta. Sabia da resistência das escamas, usar suas garras não seria tão efetivo, e golpes contundentes poderiam também não ser tão efetivos, mas tinha um plano.


Ações escreveu:
  1. Defesa com os antebraços ou pernas;
  2. Defesa com os antebraços ou pernas;
  3. Defesa com os antebraços ou pernas;
    Onúris efetuou 3 lançamento(s) de dados (D10.) :
    4 , 9 , 10
  4. Golpe contundente nos joelhos ou ombros do adversário;
  5. Golpe contundente nos joelhos ou ombros do adversário.
    Onúris efetuou 2 lançamento(s) de dados (D10.) :
    2 , 7

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 04:37 pm



Onuris preferiu mudar sua estratégia nessa ultima batalha, assumindo postura de defesa, ficando mais atento ao oponente que certamente era mortal. O Mokolé iniciou o ataque, avançando com as garras do braço direito num arranhão, que foi defendido facilmente pelo leão. Contudo isso enfureceu mais o lagarto, fazendo-o segurar no braço do felino, o puxando e lhe dando uma rasteira, fazendo com que caísse forte no chão da bacia, fazendo a mesma tremer (-30 dano). Não satisfeito com só aquilo, com sua grande e forte cauda, moveu-a como um chicote, acertando Onuris na barriga e o batendo de novo contra o chão da bacia (-34 dano). Na cauda haviam espinhos, e estes feriram a carne, entrando no músculo e despejando veneno dentro de seu corpo. A reação seria imediata, seu corpo sentiria fraquejar, tremeria, sentiria a boca seca e sua forma voltaria ao normal (Reg. +15 HP: 1 HP total). Nesse momento todos se exaltaram, o Mokolé urrou vitorioso e seus guardas bateram algumas vezes, comemorando a vitória. -Onuris! -Gritou Priya se aproximando dele desesperada, sem se importar se era proibido ou não. Uma voz conhecida por ele falou alto, era feminina e lhe daria saudades, porém não se lembraria de quem era, talvez por causa do veneno. -Essa batalha deveria ser apagada! Ele está envenenado! -Diria ela saltando pra dentro da bacia e parando próxima dos dois. Ela se vestia como ninja, tinha uma cauda de raposa, mas seu rosto estava completamente coberto. Depois que ela disse aquilo, um murmúrio se formou no lugar, o que deixou o líder do Mokolé bem irritado. -E quem é você pra falar o que é certo ou errado, garota? -Perguntou irritadiço com ela, como se estivesse pronto pra atacá-la. -Sou Naomi Okida, a líder das Kitsunes. -Respondeu ela altiva fazendo o Mokolé se afastar um pouco e outras ninjas cercarem ele. -Leve-o pra casa, precisará cuidar do veneno antes que seja tarde. -Disse pra Priya a olhando com certo desdém. Shuri se aproximou também ajudando a outra a levá-lo de lá, assim como as outras guardas também foram, deixando que eles resolvessem o que aconteceu ali. -Meu filho, aguente! -Disse Ramona completamente aflita enquanto entrava na nave junto com seu filho.

Off escreveu:
Ah, um off: O veneno era 75 e não 25, mas ele acertou uma vez da mesma forma.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 849
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
6020/6500  (6020/6500)
HP HP:
360/360  (360/360)
SP SP:
260/260  (260/260)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 05:01 pm



O outro atacou, sendo defendido a princípio, no entanto o que se sucedeu a seguir foi uma sequência brutal. Ele o segurou para então aplicar uma rasteira, a seguir bateu com sua cauda espinhosa em seu abdômen. Mal T'Challa se recuperou do baque intenso da queda súbita, e a cauda praticamente o fez quicar como uma bola. Uma sensação que misturava ardência e dormência tomou conta dos ferimentos, era veneno com certeza, mas por que um Irmão lhe faria isso?? A luta deles era de honra, tinham seus motivos para lutar sério, mas matar não era o exigido ali, especialmente perante o Ahadi. Seu corpo reagia àquilo em suas veias, fraqueza e desidratação, tão forte era o veneno que seu Sokto se desfez, voltando à forma hominídea. Pareceu houver comoção, era esperado, mas seus sentidos estavam entorpecidos e nisso não sabia quem se manifestava, nem o que falavam, até que uma voz se destacou, mais próxima. - Priya... - Murmurou em vergonha conforme gemia de dor e desconforto, nem mesmo sua face continham-se de expressar o que sentia. Outra voz se fez presente, só que com seus sentidos confusos não a distinguiu de imediato, apesar de logo ela mesmo se anunciar. - O que... Você... - Era Naomi, com quem viveu tanto tempo, ela e outras de sua raça estavam lá. Ao ouvir a voz irada do lagarto sua ira se manifestou também, se ergueu a contra gosto, ou ao menos tentaria, mesmo ferido, envenenado, buscaria olhar para ele diretamente, porém algo aconteceu, talvez uma visão como a de seu sonho da noite passada, ou talvez uma aparição como a de Bastet, ou quem sabe um delírio provocado pelo veneno. - Não era um lobo... Era um lagarto... - Seu pai estava à sua frente, só que tão misteriosamente quanto apareceu, desapareceu assim que disse tais palavras, e nisso o Príncipe desfaleceria ao chão novamente, desacordado.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 07:25 pm

Não tardaria pra Onuris sentir os efeitos do veneno, chegando a alucinar vendo seu pai à sua frente e o que seria um lobo em seu sonho, se tornou um lagarto. Apesar da força repentina, chegando a assustar Naomi e Priya, o jovem príncipe caiu desfalecido e precisou ser levado para a nave.

Podia-se dizer que estava descansando como fazia anos que não fazia. Seu corpo completamente inerte, sua consciência quieta, mas apesar disso tudo, não se sentia mal. Não sonharia com nada, a única coisa presente seria a escuridão e a paz da falta de preocupações e pensamentos.

Nisso se passaria três dias e no final do terceiro dia, Onuris acordaria numa cama tecnológica, onde vários aparelhos estavam ligados a diversos computadores o monitorando. Não teria dificuldades pra levantar e nem sentiria fome ou fraqueza. No laboratório não teria ninguém além dele, e poderia retirar os cabos sem problemas, fazendo os computadores perderem as informações, porém sem dar qualquer alerta. A sala era grande, computadores pra todo lado, móveis de vidro com experimentos, e mais ao fundo, uma porta de sigmetal protegendo o lugar. Assim que ele se aproximasse da porta, a mesma se abriria e mostraria pra ele outro ambiente, uma sala de espera e lá estava Priya, Shuri, Ramona, Naomi e Danai, conversando, como se esperassem ele acordar. -Onuris! Como se sente? -Perguntou Priya preocupada se aproximando dele. Naomi ficaria quieta, olhando torto pra eles enquanto mantinha postura perante ele em respeito. -Deve estar com fome, que tal irmos para a sala de jantar? -Perguntou Ramona preocupada com a saúde do primogênito e herdeiro. -Ele está alimentado, coloquei todo tipo de refeição no soro pra ele tomar. -Disse Shuri sorrindo vitoriosa. -Aquilo foi de assustar! -Terminou o comentário observando seu irmão. -Ainda bem que sua irmãzona aqui sabe muito de tecnologia! -Se vangloriou mais sendo levada por Ramona, deixando Onuris, Priya e Naomi sozinhos na sala e indo para o refeitório.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 849
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
6020/6500  (6020/6500)
HP HP:
360/360  (360/360)
SP SP:
260/260  (260/260)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 08:49 pm

Seu corpo implorava pelo descanso e assim foi, não sentia, nem escutava, nem via mais nada. Estava inerte em escuridão, sem nenhum tipo de sonho ou alucinação, completamente inócuo no vazio. Nem mesmo qualquer pensamento passava por sua cabeça, estando livre para tirar o descanso que tanto necessitava. Depois de um longo tempo T'Challa despertaria, percebendo estar num leito de Wakanda, com vários eletrodos e máquinas ligados a si. Seu corpo rangia com o tempo parado, certamente fora muito tempo que passara ali em repouso, mas sem dificuldade conseguiu levantar-se. Seu primeiro instinto uma vez de pé foi remover os eletrodos e depois tocar onde o Mokolé o feriu, não havia sinais do machucado, no mínimo o veneno também já havia sido removido do seu organismo, ou pelos médicos ou pela sua regeneração. Parecia estar sozinho, e no fim da grande sala cheia de máquinas estava uma porta dourada. Ele aproximou-se da mesma, sempre sentia-se maravilhado pelo brilho do Sigmetal, mas assim que o fez a mesma abriu, revelando uma sala de espera. - Irritado... - Respondeu à Priya, que fora a primeira a percebe-lo. - Obrigado... - Disse a Naomi, curvando brevemente a cabeça, se não fosse ela teria tido uma morte dolorosa na arena. - Eu estou sem fome eu acho, desculpe te-las preocupado. - Disse para a mãe, voltando a abaixar a cabeça. - Obrigado Shuri, por tudo. - Agradeceu também à irmã, era evidente que se não fosse os amplos conhecimentos dela em medicina e tecnologia, talvez tivesse morrido, estava frustrado em perder e depender de tantos. - Eu subestimei ele, mas... - Estava enfezado, não conseguia pensar em outra coisa se não aquela derrota humilhante. - Fico feliz de ter tido ajuda... - Era difícil aceitar ajuda sendo orgulhoso como era, porém não tinha muita opção, águas passadas não movem moinho. - Naomi... Acho que o seu povo chegou até Wakanda então... Quanto tempo passei aqui, e o que o Ahadi decidiu? - Indagaria à japonesa, daria para ver ainda a raiva em seu olhar, a cara fechada, mas seu tom de voz com ela era manso, afinal não era a raposa o foco de sua ira.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 09:10 pm

Assim que estivessem os três à sós, Naomi relaxou um pouco a postura, amenizando as feições também. -Faz um tempo que estamos aqui. -Disse o informando. -Mas passei a maior parte do tempo treinando e estudando no Japão, aprendendo a controlar a transformação e a usar meus poderes. -Continuou, falando de maneira séria e de certa forma fria e até com um pingo de mágoa. -Viemos investigar um possível traidor e desde então ficamos aqui. Infelizmente não o achamos ainda... -Comentou fechando as mãos com raiva pela falha. -Mas tem probabilidades dele ter tido contato com o Líder dos Mokolés, Draco. -Falou com cautela, receosa pela reação dele. -E quem seria esse traidor? -Perguntou Priya, fazendo Naomi estreitar os olhos ao olhá-la. -Se soubéssemos já estaria preso ou morto. -Respondeu irritadiça, enquanto Priya enlaçava seu braço no de Onuris para irem pra sala de jantar. -Se quiser mais informações me procure. Com licença. -Disse a ninja sumindo no instante que uma pequena bomba de fumaça explodiu e se dissipou.

off escreveu:
Pode criar a mesa de jantar como preferir.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 849
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
6020/6500  (6020/6500)
HP HP:
360/360  (360/360)
SP SP:
260/260  (260/260)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 10:44 pm

Era evidente o descontentamento de Naomi, e o fato de Priya agarrar-se a ele só piorava tudo. Tinha muito mais dúvidas do que respostas de fato, mas usa coisa era clara, Naomi queria vê-lo novamente. Ela desapareceu deixando os dois a sós, e T'Challa suspirou, as coisas estavam ficando complicadas, mas agora tinha um nome, Draco. - É melhor irmos comer... Preciso perguntar algo a minha mãe e Shuri. - Ele iria seguir para a sala de jantar e logo que abriu as portas duplas avistou um grande javali com batatas gratinadas, devia ser hora do almoço ou jantar, no entanto era indiferente, a fome ausente agora vinha com tudo, como se bastasse apenas ver a comida para seu corpo clamar por aquilo. - Mãe... Shuri... - Ele se sentaria em seu lugar e trataria de servir-se, não ligaria para modos ou limites, faria um prato farto de carne e batatas. - Eu perguntei a Naomi, mas ela não quis responder, o que o Ahadi decidiu? Eu imagino que tenha sido uma discussão longa... - Indagou a elas enchendo sua taça com o suco de abacaxi natural que havia à mesa.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   04/09/18, 11:47 pm

Priya beijou Onuris, avançando contra seu rosto sem aviso, um beijo saudoso e preocupado pelo que houve uns dias atrás. -Estou orgulhosa de sua luta. -Disse sorrindo enquanto entravam na sala de jantar. Assim que a porta abrisse, veriam um baita javali na mesa com uma maçã na boca, folhas de alface em volta com rodelas de tomate e batatas gratinadas. Sua carne estava no ponto, nem bem e nem mal passada, uma grande panela de arroz mais a frente e da mesma forma que as outras mesas, várias frutas e sucos para escolherem a bebida. Lá não havia desperdício, depois deles comerem, o que sobrava ia pra todos os trabalhadores do castelo, que ainda levavam pra suas famílias também. -Meu filho. -Disse a mãe em respeito ao cumprimento e Shuri só balançou a cabeça com a boca lotada de comida. Onuris estaria com bastante fome de fato, e aquela era sua comida favorita. Priya sentou-se e depois de Onuris, se serviu de batatas, alfaces, tomates e alguns pedaços da carne do javali. -Sim, demorou um dia, mas decidiram anular aquela batalha que teve com Draco. Foi comprovado que ele usou de artimanhas proibidas e que poderia tê-lo matado. -Disse respondendo a pergunta de seu filho com calma. -Ele está sob custódia com Naomi. -Completou fazendo Priya engasgar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 849
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
6020/6500  (6020/6500)
HP HP:
360/360  (360/360)
SP SP:
260/260  (260/260)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   05/09/18, 12:07 am

Ele começara a comer quando a mãe lhe respondeu, chegando a mastigar lentamente e franzir o cenho com a resposta. - Eu lutei com honra, mas fui derrotado... Independente de que eu tenha sido envenenado... - Falou assim que engolira a primeira garfada de comida. - Eu a conheci na América, fomos namorados... Certamente me surpreendi de vê-la aqui, ainda mais com outras Kitsune... Estão longe do Japão, alguma razão que tenham dito em particular para estar na África? - Indagaria na sequência, voltando a cortar as batatas e a carne do javali, comendo mais a seguir. - Só me alivia que as outras Tribos viram do que sou capaz, mas se terei de enfrentar outros como Draco, preciso me fortalecer, relaxei demais na América... Me surpreendi muito um dos M'Kembe fazendo isso, eles eram aliados da causa do Ahadi, ele não precisava recorrer a assassinato...

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hagatsune
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 444
Localização : Tenkai

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
500/500  (500/500)
HP HP:
100/100  (100/100)
SP SP:
500/1000  (500/1000)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   05/09/18, 12:57 am

-Não foi uma derrota, meu filho. -Disse sua mãe séria parando de comer para olhá-lo. -Ele podia estar usando qualquer outro tipo de fortificador também. -Disse da mesma forma analisando-o. -É! Quem garante dele não ter tomado algo pra melhorar suas habilidades. -Disse Priya concordando com a sogra. -Pelo que Naomi disse, era provável que ele tenha sido usado pra te matar. Mas ela ia averiguar se foi consciente ou não. -Completou enquanto Shuri devorava a comida, colocando mais no prato. -Eu não tenho essas respostas meu filho... Creio que se teve algo com ela no passado, deva terminar de forma clara e justa. E pergunte a ela. -Responderia sua mãe voltando a comer. Priya ficaria em silêncio, enciumada pelo que Onuris havia dito. -Estou feliz que esteja atualmente com uma garota boa, e ainda por cima uma Nagah. -Comentaria fazendo Priya ficar completamente vermelha e parar de comer. -I-imagina! Eu quem estou honrada! -Respondeu rapidamente quase derrubando o prato de nervoso. -Se me deem licença... Irei me retirar. -Disse um tanto cansada, se levantando para ir dormir. -Boa noite. -Shuri despediu-se de sua mãe apenas dando um tchau com a mão enquanto acabava de comer e batia na barriga cheia. -Ah... Como é bom... -Murmurou completamente desleixada na cadeira. -Acho que eu também vou. -Disse bocejando. -Trabalhei de mais esses dias... -Comentou enquanto lançava um tchau pros dois e ia embora. E o silêncio tomaria conta da sala.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgfantasyworld.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - A Morte do Rei   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Capítulo 1 - A Morte do Rei
Voltar ao Topo 
Página 2 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
 Tópicos similares
-
» [Recrutamento] Seeking Online - Capítulo 1: Aurora e Pecado
» Bleach - Shinigami Saga - Capítulo 1 (Tópico de jogo)
» Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna
» [Apresentação] Singela Dualidade - Capítulo I
» Capítulo 1: Caminhos Cruzados

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Multiverso da Fantasia RPG :: Mundos RPG :: RPG - Ningenkai :: Hagatsune :: Aventuras Completas-
Ir para: