Somos um Fórum de RPG, focado em D&D, porém com sistema mais aberto. Criação de personagem e raças completamente customizáveis!
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Capítulo 2: As Seitas

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   17/09/18, 11:36 pm



Ela se deixou levar pela investida dele, os seios firmes, a pele macia e cheirosa dela, quanto mais ele se fartasse ali mais ficaria intoxicado, incontrolável. Seria quando ele estivesse saboreando sua feminilidade o ápice daquela estranha hipnose, e ela faria questão de prender suas cabeça com as suas cochas, numa espécie de chave de pernas, e ela o soltaria somente quando chegasse em seu ápice, ele era novo nisso, inexperiente e portanto demoraria a leva-la ao clímax. Assim que isso acontecesse ela soltaria-o, sentando-se na cama e o olhando provocativamente com as pernas cruzadas. - Sente-se no sofá... - Diria ela e ele obedeceria, em impulso, sem pensar, como que um comando mental e evidentemente ele veria um brilho avermelhado nos olhos dela. - É a minha vez de saborear algo... Itadakimasu... - Assim que ele estivesse sentando ela iria desobstruir o caminho, tirando qualquer peça de roupa dele no caminho, e o chuparia com vigor e intensidade. Quando a boca dela descia, ele poderia sentir a língua dela enrolar e se moldar ao pênis, e quando a boca subia ela chupava com tamanha força como se quisesse sugar-lhe tudo que havia dentro. Não sentiria dor, pelo contrário, sentiria um prazer incomparável, como se a transa com Alice não fosse nada a não ser uma brincadeira de criança, e ali com Miyavi fosse sexo de verdade. Ela só pararia ao senti-lo gozar, engolindo tudo e depois saboreando mais o falo, masturbando-o com uma mão, enquanto com a outra acariciava as bolas, além de lamber a glande sensível da recém gozada. - Foi um menino levado... Com quem esteve? - Indagaria ela olhando-o diretamente, apenas masturbando-o, deitada no sofá com os seios fartos em cima de sua perna.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Masako Sun
Membros
Membros
avatar

Mensagens : 131
Localização : Japão

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
1520/2000  (1520/2000)
HP HP:
90/90  (90/90)
SP SP:
110/110  (110/110)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   18/09/18, 12:33 am

Quanto mais me entretinha com ela, mais me afundava naquela vontade incontrolável de tê-la mais e mais, e aquilo parecia nunca se satisfazer. Ela me prendeu ali, no meio de suas pernas, não que eu reclamasse, aproveitei tudo o que pude até ela ficar satisfeita, algo que demorou um tanto por causa de eu ser iniciante com aquilo ainda, mas havia conseguido. Assim que ela gozou, e aquilo foi mais delicioso ainda a deixando mais adocicada, sentou-se de pernas cruzadas me olhando de forma provocativa. Não era pra menos, estava extremamente desconfortável a roupa e se pudesse a rasgaria na mão. Sentar no sofá? Não pensei duas vezes, só fui até lá e me sentei. Ela se aproximou dizendo ser a vez dela, e não a impedi, pelo contrário, queria muito que aquilo acalmasse. Ela retirou a ultima peça que ainda tinha cobrindo o membro e o abocanhou com tanto vigor e intensamente que gemi alto na primeira parte. Ela fazia algo com a língua que me fazia gemer mais forte e me levava as alturas. Ela era completamente diferente da Alice, parecia que eu tinha brincado de sexo como crianças brincam, e com Miyavi era como se eu estivesse de fato transando. A pressão que ela fazia ao fazer o movimento de saída era alucinadora, tanto que nem saía gemidos. Não demorei tanto pra gozar, também ela era bem mais experiente que eu, que nem segurar sabia. Quando gozei botei a cabeça pra trás e gemi mais intensamente e a olhei. Ela não tirou a boca e engoliu tudo o que saiu, me deixando um tanto corado e ainda excitado com aquele fato. Quando ela passou me saborear, como se fosse uma sobremesa gostosa, quase pulei do sofá ao sentir o contato de sua língua numa parte bem sensível e que estava muito mais sensível depois do gozo e gritei de prazer. Ela perguntou alguma coisa e a olhei um tanto atordoado. -Depois de me alimentar... Acabei transando com Alice... -Disse direto. -Ela me tentou tanto que acabei sedendo. -Expliquei, o que de fato foi verdade tentando responder sem meu corpo dar trancos por causa da mão dela que continuava a me masturbar estando sensível, seus seios estavam delicadamente apoiados confortavelmente sobre minha perna. Eu não sabia se me desculpava quanto a isso... -Mas eu nunca mais tocarei em outra que não seja você. -Era medo de perder ela? Eu mal a conhecia e muito menos aquele mundo novo. Ou seria outra coisa? -Isso que está fazendo... Com os olhos. É o tal Fascínio? -Perguntei tentando entender que loucura era aquela que se passava comigo desde que despertei.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   18/09/18, 02:22 am



- Eu não quero desculpas, nem explicações... Apenas quis saber... - Respondeu ela seca, parando o que fazia, se afastando dele andando calmamente e rebolativa para a direção da cama. - Venha aqui... - Diria ela já passando da cama e indo para onde parecia ser um banheiro, pelo eco dos ladrilhos e azulejos. - Venha tomar banho. - Ela já estaria dentro de uma banheira quando ele chegasse ao banheiro, este num modelo que misturava o acidental e o oriental. - Hum... Não só isso... Fascínio... Transe... Majestade... - Respondeu ela se ensaboando com as essências e espumas da água que preenchia a banheira. - E um toque particular do sangue... Aquele que bebe do sangue de um vampiro se torna submisso, especialmente para os Bushi... - Acrescentou ela e assim que ele entrasse no banho ela começaria a massagear suas costas, focando nos ombros e no pescoço. Um toque divino seria, como se ela fosse uma massagista profissional. - Eu não tenho objeções se quiser se divertir com outras, nem se precisar usar o sexo como ferramenta, mas recusarei a me deitar com você se eu sentir o gosto de outra.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Masako Sun
Membros
Membros
avatar

Mensagens : 131
Localização : Japão

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
1520/2000  (1520/2000)
HP HP:
90/90  (90/90)
SP SP:
110/110  (110/110)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   18/09/18, 05:06 pm

Ela me respondeu seca e parei de falar, não sabia bem o motivo daquilo, mas ela logo se levantou e andou rebolativa até a cama. Ela não tinha problemas com nudez, mas fiquei um pouco sem graça de ficar desfilando nú, porém assim que ela pediu q eu a seguisse, fui até chegar no banheiro e vê-la dentro da banheira se ensaboando com as essências. -Interessante... -Falei conforme ela dizia várias de suas habilidades e também da propriedade do sangue. Entrei na banheira também e ela se reaproximou de mim e começou a massagear meus ombros. Não contive o pequeno gemido de satisfação com aquelas mãos deliciosas. -E-eu não penso nisso no momento... Talvez esteja cedo pra pensar em sexo dessa forma. -Falei um tanto corado com tais afirmações dela. Ela podia estar acostumada com aquilo, mas eu acabei de ser transformado e ainda tinha a carga de uma cultura toda. -É entendível que se recuse.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   18/09/18, 10:51 pm

- Não vou mentir... - Resmungava ela parando com a massagem e então pegando uma esponja. Ela esfregava suas costas, da mesma maneira que uma mãe faria com o filho, tirando a sujeira, porém às vezes usava a outra mão para massagear sua musculatura, ou simplesmente alisa-lo, especialmente com as pontas dos dedos. - Fiquei chateada... Queria ter sido a primeira... - Falou a seguir de forma manhosa e se ele olhasse por cima do ombro a veria fazendo bico. - Ao menos tenho você aqui agora... Soube por Joe que se encontrou com a Raposa... As coisas poderiam ter sido muito ruins... - Comentava ela continuando na limpeza até certo ponto em que parou e se posicionou passando por ele e lhe entregando a esponja. - Sobre o que falaram? - Indagaria ela tirando o cabelo das costas e ficando à frente do jovem de costas para ele.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Masako Sun
Membros
Membros
avatar

Mensagens : 131
Localização : Japão

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
1520/2000  (1520/2000)
HP HP:
90/90  (90/90)
SP SP:
110/110  (110/110)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   19/09/18, 12:08 am

Olhei pra ela por cima dos ombros quando começou um resmungo e parando a massagem pra começar a lavar minhas costas com uma bucha. Ela parecia bem uma mãe, com aquele cuidado e mimo todo, mesmo ainda sendo estranho pra mim tomar banho com uma mulher "desconhecida". Ela continuou o que queria falar fazendo bico e me fazendo rir de leve com sua manha. -Te deixaria menos chateada se eu dissesse que foi a primeira que chupei? -Perguntei um pouco sem graça com a pergunta, coçando a bochecha com um dedo. Ela comentou sobre meu encontro com Misaki, imaginava que ela soubesse, afinal ele sabia e ele parecia ser o braço direito dela. -É ele disse... -Comentei me virando pra olhar pra ela e responder sua pergunta. -Foi um dos truques de Alice... -Falei um pouco nervoso com aquele fato. -Ela ficou surpresa e triste em me ver assim, descobri o porquê dela me escolher, e o que ela é de fato, basicamente resumindo tudo terminamos. Só pedi que ela dissesse aos meus pais que eu tinha morrido. -Falei sério, de algum forma aquilo ainda mexia comigo numa mistura de raiva, tristeza e traído. -O pet dela jurou me matar da próxima vez que me encontrar. -Disse irritado ainda com o garoto albino. -E voltei pra HUB. -Respondi o que ela queria saber, mas duvidava que ela não sabia. -Por que me escolheu? -Perguntei, ela havia dito que tinha me escolhido bem antes daquele acidente. Qual era o interesse dela em mim afinal? Um simples rapaz, que trabalhava numa cafeteria de garçom e estudava num colégio normal e não tinha nada de mais aparentemente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   19/09/18, 02:23 am



Ela pareceu não reagir ao que ele falara, até que começou a falar. - Tem certeza de que quer pensar neles como animais? - Indagou ela a princípio, e olhando por cima do ombro. - Não somos tão diferentes deles... - Continuaria ela, de modo que poderia-se notar um certo embargo no seu raciocínio. - Os Metamorfos como nós tem instintos fortes, a diferença é que nós estamos mortos. - Talvez aquela frase batesse em cheio em Masako, uma constatação crua do estado real deles. - Conseguíamos viver em paz com eles, desde que respeitássemos os humanos sob proteção deles e desde que não nos intrometêssemos em seus assuntos... Jinko... - Ela estava enigmática, até que falou "homem tigre". - Cruzou com o Guarda Costas da Princesa Kitsune... - Ela parecia impaciente com algo e olharia novamente por cima do ombro e de alguma maneira Masako se veria forçado a lavar suas costas, como se suas mãos se movessem sozinhas. - Ele é raro no Japão, normalmente só existem na China esses tigres... Evite brigas com ele... Deve se achar no direito de se estapear com ele por ter sido namorado da garota raposa, mas Metamorfos são fortes... Um Neófito, um vampiro recém criado, pode acabar morto de verdade se não tomar cuidado... Eu tive duas razões para te escolher... A primeira é porque simpatizei com você, pode-se dizer que foi amor à primeira vista, e segundo... Quis tirar você daquela raposa... Dar o troco pelo que a família dela me fez...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Masako Sun
Membros
Membros
avatar

Mensagens : 131
Localização : Japão

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
1520/2000  (1520/2000)
HP HP:
90/90  (90/90)
SP SP:
110/110  (110/110)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   19/09/18, 03:55 pm

A princípio ela pareceu não se importar com o que eu falava, mas depois indagou algo que me deixou pensativo e segui seu raciocínio, mas a parte de estar morto... Talvez não tivesse ainda caído a ficha ainda, e fiquei quieto. Então havia um acordo entre nós e eles afinal... -Mas então isso não rola mais depois que a Camarilla chegou tomando tudo né? -Não parecia ainda ter esse acordo, ou ele não teria me jurado de morte morrida quando me visse novamente. Jinko? Ela começou a falar do tigre até que me olhou com impaciência e seus olhos brilharam. Automaticamente minhas mãos começaram a lavar suas costas, e sorri amarelo. Ela comentou do que eu deveria achar ter direito de fazer com ele, e já aproveitando pra responder minha ultima pergunta. Neguei com a cabeça, continuando a lavá-la. -Não é por eu querer estapiar ele por causa de Misaki. Quero estar forte da próxima vez que cruzar com ele. -Falei  pensativo. -Não quero trombar com ele e estar despreparado caso ele queira cumprir sua promessa. Se você me deu uma nova vida, mesmo que já estejamos "mortos", vou me fortalecer pra que ele e outros não sejam um problema. Nem pra mim nem pra você. -Continuei parando as mãos e dando um beijo na curva do pescoço com o ombro, dela. Ela era mais forte que todos ali, com certeza, mas não parecia ser do tipo de sair do ninho com frequência, ainda mais dar as caras pra lutar. -O que a família dela te fez? -Perguntei curioso, mas também se ela havia me escondido aquilo, devia ter muito mais coisas. Voltaria a esfregá-la, nos braços e na frente caso ela permitisse.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   19/09/18, 05:14 pm



Ela gemia baixo, demonstrando gostar do beijo e das carícias do ganho, até que começou a responder sua última pergunta. - Eles apoiaram meu Sire... Aquele velho decrépito controlava um exército e um harém para seu bel prazer... Eu passei um século sob domínio dele... Quando pedi ajudar se negaram, disseram que não era problema deles, mas assim que ele morreu trataram de tomar territórios que eram dele... A Camarilla nos prejudicou muito... Entretanto ajudou a revelar a verdadeira face das raposas... Sorriem para você enquanto lhe tocam gentilmente com uma mão, já a outra prepara-se para sacar a lâmina que lhe apunhará pelas costas. - Dava para notar o quanto ela estava furiosa com aquilo, e estranhamente parte dessa fúria parecia vir para ele, como que outro aspecto do laço de sangue entre eles. Apesar disso, ela mesmo furiosa não alterava muito a voz, como se estivesse mantendo a compostura independente do estado emocional. Uma breve alteração no tom de voz entregava seus sentimentos e só. - Terá problemas em tomar a vida de raposas quando for a hora? - Indagou ela se virando para ele e sentando em seu colo, abraçando seu pescoço, colocando os seios fartos colados em seu peito e o olhando nos olhos bem de perto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Masako Sun
Membros
Membros
avatar

Mensagens : 131
Localização : Japão

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
1520/2000  (1520/2000)
HP HP:
90/90  (90/90)
SP SP:
110/110  (110/110)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   20/09/18, 04:02 pm

Ela gostou dos beijos que dei, o que me fez sentir mais próximo talvez, não sabia explicar... Satisfação? Ela começou a responder minha pergunta, certamente sentia raiva e eu acabei sentindo também, seria o elo de sangue? De fato ela devia ter muitas mágoas quanto ao seu Sire, até mesmo do jeito que ela se referia a ele. -Como seu Sire morreu? -Voltei a perguntar, desta vez pra ela mesma, queria ouvir a história dela, saber mais sobre ela. Ela se virou pra mim, passando os braços por cima de meus ombros num abraço solto, colando seus seios em mim e olhando no fundo os meus olhos. -Eu nunca matei ninguém, mas se for pra nos proteger eu não teria problemas... Estou dizendo de mim até ontem, não sei ainda bem o que mais mudou em mim. -Respondi um pouco incerto a olhando firme, mas de fato quando vi aquela garota nas mãos daquela criatura, não pensei duas vezes em atacá-lo e certamente iria matá-lo se tivesse tido a oportunidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   20/09/18, 10:48 pm

Ela o olho enigmática, até que aproximou a boca de sua orelha, beijando e então mordendo de leve o lóbulo esquerdo. - Quer saber como ele morreu? - Indagou ao pé do ouvido num sussurro que faria a orelha do jovem vibrar com sua voz provocativa. - Eu drenei ele todinho enquanto estávamos transando... Senti o corpo dele ficar mais e mais mole com o tempo... Ao mesmo passo que sentia um calor enorme vindo pra dentro de mim... E roubei tudo que ele tinha. - Conforme ela falava sobre a morte do Sire, suas mãos buscavas as costas de Masako, lhe agarrando firme de modo que as unhas afundavam na pele, de mesmo modo que ela falava ao seu ouvido ainda coma quela voz provocativa, sensual e aterrorizante ao mesmo tempo. - Está se sentindo todo diferente? - Indagou ela após se afastar do ouvido dele, sentando abraçada em seu colo e rindo de forma perversa como se gostasse da provocação que fazia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Masako Sun
Membros
Membros
avatar

Mensagens : 131
Localização : Japão

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
1520/2000  (1520/2000)
HP HP:
90/90  (90/90)
SP SP:
110/110  (110/110)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   20/09/18, 11:56 pm

Ela me olhou de maneira indecifrável, aproximando o rosto de mim, mas passando até minha orelha, beijando-a e dando uma mordiscada, me fazendo arrepiar enquanto soltava uma pergunta. -Quero... -Minha voz saiu mais roca do que eu esperava, mas ela provocava de uma maneira que seria impossível não reagir. Ela disse na lata o que fez, algo que me deixou com um pouco mais de confiança nela, o que era de fato o porquê de eu ter perguntado como ele morreu. Já sabia que ela quem tinha o matado fazendo aquela tal de diablere que Joe dizia. Fora isso ela dizia aquilo de uma maneira que eu não sabia se ficava excitado ou aterrorizado, era uma mistura bem diferente e que eu achava não existir. Ela me abraçava, de modo que suas unhas afundavam na pele, mas não chegava a me ferir. Logo ela perguntou outra coisa enquanto se sentava em meu colo, abraçada ainda e rindo como se aquilo fosse delicioso pra ela. -É... -Acho que não sabia o que responder, estava um pouco atordoado com o assunto anterior, mais com o jeito que foi tratado. -Não muito... Tirando o fato de não poder andar no sol, tomar sangue e ainda não ter caído de sono... Mas Joe-san me informou de muita coisa, acho que se não fosse ele teria penado mais quando aqueles idiotas me botaram pra fora do julgamento e talvez matado alguém sem controle... -Falei olhando pra cara dela. -Eu sabia que tinha feito diablere com seu Sire... E acredito que tenha tido motivos de sobra pra isso. Também já sei que é algo considerado errado e proibido e que alguns se tornaram seus inimigos por conta disso também... -Comentei calmo ainda a olhando. -Não estou dizendo isso pra me mostrar mais esperto nem nada... Só quero que tenhamos confiança um no outro. -Expliquei o que eu queria com aquilo, não sabia se ela ficaria irritada... -Preciso saber mais sobre os clãs... Quando eu não sabia que minha Sire estava viva ou não tinha de fato me abandonado, perguntei pra Amiri onde poderia pegar um livro pra estudar sobre, ela me deu um nome... Kurogane Hayato. -Dei uma pausa. -Eu não vou até ele, sei que é xerife da Camarilla. -Comentei informando-a de algumas coisas que eu já sabia, mas que ela devia saber de velho. -Ainda estou tentando entender como essa "sociedade" toda funciona. -Disse esfregando suas pernas com as mãos e pés.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   21/09/18, 05:50 pm



- Kurogane... Hayato... - Murmurou ela saindo do colo do jovem. - Não esperava ouvir esse nome de você... Ainda mais logo agora... - Suspirou ela fechando os olhos e sentando-se na banheira com os braços abertos apoiados na mesma. - É muito fofo que queira confiar em mim... Mas nós temos uma ligação tão forte agora nessas primeiras noites que você iria morrer por mim sem nem pensar... Esse tipo de lealdade se esvai... - Completaria ela de forma melancólica reabrindo os olhos. - Tirando a nossa brincadeira de agora pouco, e é claro lembrando que já se satisfez antes... Ficaremos um mês sem nos deitar, nem nos acariciar, quero testar a sua lealdade e a sua convicção... - Afirmou olhando séria para Masako. - Joe é um Brujah, são muito bons em lutar, mas são muito impulsivos... Amiri é Malkaviana, são sempre inteligentes e sensitivos, mas são todos loucos, alguns mais outros menos... Sasaki Ryuki é um Ventrue, são fortes e inteligentes, com um senso forte de dever e liderança, mas são na maioria vítimas de si mesmos, seus egos e sua Fome os traem... Kurogane Hayato é um Bushi como nós, antiquado, da mesma época que eu, mas o senso de honra e lealdade dele é maior que qualquer coisa... Cruzar espadas com ele é a morte, e ele se tornou servo da Camarilla por vontade de servir a um Senhor... Samurai imbecil... Um desperdício... Poderia conseguir muita coisa com ele ao meu lado... - Ela falava sobre os clãs, esteriótipos de certa forma, e com o fim de suas explicações, falava de forma como se tivesse tido algo com o Xerife, ou quem sabe ainda queria algo, o que poderia fazer borbulhar o ciúmes do neófito que se banhava com ela.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Masako Sun
Membros
Membros
avatar

Mensagens : 131
Localização : Japão

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
1520/2000  (1520/2000)
HP HP:
90/90  (90/90)
SP SP:
110/110  (110/110)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   21/09/18, 09:53 pm

Ela parecia ter ficado desconfortável ao escutar aquele nome. -Logo agora? -Não sabia o que aquele nome tinha de efeito nela, mas foi algo que ela não esperava e talvez não tão positivo assim. -Tá mas... -Era difícil entender ainda, mais por eu querer perguntar algo e não saber como, ou até saber, mas não conseguir usar a palavras certas. Ela voltou a falar, completando de maneira séria. -Ê?! -Ela realmente estava falando sério? Suspirei fechando os olhos. -Hai. -Teria que aprender a controlar aquilo que aconteceu quando bebi o dito sangue... Ela começou a falar sobre alguns clãs, ditando os nomes que eu conhecia para assimilar melhor como cada clã era em sua maioria. Mas algo ali me deixou uma sensação estranha, como um ciúmes de alguém que tinha acabado de conhecer e torci o cenho. -Então ele é leal à Camarilla, como se estivesse ainda na época dos samurais? Mesmo vendo tudo o que eles fizeram com o próprio clã dele? -Perguntei tentando entender uma lógica do por quê dele estar ainda daquele lado. -Imagino que ele seja bem forte, se ele é dessa época... E você também. -Comentei já deixando o nome dele numa lista separada, pra um futuro distante talvez.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Onúris
Boss
Boss
avatar

Mensagens : 393
Localização : Wakanda

Ficha do Personagem
Experiência Experiência:
3630/4000  (3630/4000)
HP HP:
120/120  (120/120)
SP SP:
120/120  (120/120)

MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   22/09/18, 11:58 am



- Ele tem um código de honra próprio, como se já não bastasse ser um Bushi... Não ligo para as razões dele, só quero alcançar meus objetivos... - Ela pareceu ficar entediada rapidamente por alguma razão. - Ele é uma relíquia... Pensa que estamos em Edo... - Ela logo reviraria os olhos e em determinado momento uma nova voz seria ouvida. - Shitsurei Shimasu... - Diria uma voz feminina, e antes que Masako percebesse de onde vinha de fato haveria uma garota loira vestida como uma estudante, chupando um pirulito olhando para ele de forma indecifrável. - Himiko-chan... Vejo que achou o doce que queria. - Falou Miyavi olhando para a menina com um sorriso, ela não parecia ter mais idade que Masako, na verdade julgaria que ela poderia ser até mesmo mais nova. - Sim, mas os pirulitos são sem graça agora, o sangue é bem mais doce. - Resmungou ela fazendo bico e então voltando a lamber o pirulito, de maneira que poderia-se ver os caninos avantajados dela. Ela o fazia de forma provocativa de certa forma e os olhos da menina iam direto para Masako, sendo que ela até mesmo sorria para ele dando uma breve risadinha. - Toga Himiko, ela foi Abraçada depois de você, em uma situação menos difícil. Pode pensar nela como sua irmã mais nova, ela chegou algumas horas atrás, pedi para que outro dos nossos ficasse de olho nela e explicasse tudo. - Explicaria a Sire e a garota prontamente tiraria os sapatos e as meias e se sentaria na borda da banheira submergindo as pernas.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Capítulo 2: As Seitas   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Capítulo 2: As Seitas
Voltar ao Topo 
Página 2 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
 Tópicos similares
-
» [Recrutamento] Seeking Online - Capítulo 1: Aurora e Pecado
» Bleach - Shinigami Saga - Capítulo 1 (Tópico de jogo)
» Capítulo 2 - Uma Noite na Taverna
» [Apresentação] Singela Dualidade - Capítulo I
» Capítulo 1: Caminhos Cruzados

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Multiverso da Fantasia RPG :: Mundos RPG :: RPG - Ningenkai :: Onúris :: Aventuras Completas-
Ir para: